Sesc SP

Alessandra Negrini
Dramaturgia, encenação e direção geral: Francisco Carlos. Com Alessandra Negrini, Daniel Faleiros, Daniel Morozetti e Begê Muniz. Uma família paulista de 1600. O pai, a mãe-mulher-branca, um filho adolescente, vulgos fidalgos de então habitam uma casa de taipa de pilão no povoado pobre e incipiente de São Paulo de Piratininga, assombrados com assaltos de hipotéticos índios escravizados vingativos e supostos corsários ou piratas saqueadores advindos do litoral-mar. O vento traz de longe o hálito atrativo e assustador do infinito sertão. É a família paulista na sua invenção e no seu teatro de memória bandeirante. No centro, a mãe, mulher branca, segregada e governando a casa com voz rouca. Bota e cruz. Crenças, honras, juízos de valores. Duração: 90 minutos. Teatro (200 lugares). 
Foto: Cacá Bernardes

Obs.: Venda limitada 4 ingressos por CPF.

saiba mais

Teatro

Sonata Fantasma Bandeirante 16

Essa atividade aconteceu em 24/04/2016 no Sesc Ipiranga.

Mas nossa programação não para!
Quer fazer uma nova busca?
Clique em Programação e fique por dentro de tudo o que está acontecendo nas Unidades do Sesc em São Paulo