Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Confira a programação de encerramento do projeto 'Contaminações'

Vídeo Instalação 'Call Wainting' de Eder Santos
Vídeo Instalação 'Call Wainting' de Eder Santos

Um dos destaques de encerramento do projeto é A Cozinha da Doidivana - um encontro entre a escritora, socióloga e cozinheira Ivana Arruda Leite e outros autores brasileiros, num espaço onde falam sobre suas carreiras e livros enquanto saboreiam pratos especiais, preparados pela anfitriã. Luiz Ruffato, um dos homenageados do projeto, é o próximo convidado da atividade, que acontece no dia 25 de junho.

Outra atração no dia 25 é a performance O Leitor, de Alexandre D’Angeli, que faz uma investigação sobre a presença do corpo na literatura oral. Na intervenção, o artista desenterra livros em uma caixa com 100 quilos de areia em formato de mesa e lê trechos aleatórios dessas obras durante dois minutos, cronometrados por meio de uma ampulheta.

O espetáculo de dança Nada Pode Tudo, com a bailarina e coreógrafa Jussara Miller, dirigida por Norberto Prosa, é inspirada no diálogo dessa linguagem artística com a fotografia e a literatura, sobretudo na obra ‘Cá Entre Nós’, da poeta Alice Ruiz. Dias 23, 24 e 25 de junho.

Música e Poesia
Nos dias 30 de junho e 1º de julho a cantora paulista Nô Stopa apresenta o show Manifesto Poesia ao lado de seu pai, Zé Geraldo, e de Fernando Anitelli, criador da banda O Teatro Mágico.

Já o poeta carioca Antonio Cícero e o cantor paraense Arthur Nogueira se encontram no dia 2 de julho para apresentar canções dos discos ‘Mundano’ (2009), ‘Sem Medo Nem Esperança’ (2015) e o mais recente, ‘Presente (Antonio Cícero 70)’, projeto idealizado pelo DJ Zé Pedro para comemorar os 70 anos do escritor.

Na Mostra de Processo Eles Eram Muitos, o AREAS Coletivo apresentará ao público o resultado da residência realizada no projeto 'Contaminações', um processo de criação que busca contaminar-se pela experiência que o escritor Luiz Ruffato proporciona a partir da obra “Eles Eram Muitos Cavalos”. 

O convidado do dia 24/6 (20h) da Bolha de Leitura é o ator Eduardo Mossri, bacharel em Interpretação pela Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP). Com uma carreira fortemente desenvolvida no teatro, com mais de 20 peças no currículo. Seu primeiro monólogo, “Ivan e os Cachorros”, de Hattie Naylor, com direção de Fernando Villar, foi espetáculo de abertura do Festival da Cultura Inglesa e vencedor dos Prêmios Myriam Muniz de Circulação, Caixa Cultural, Circuito Paulista e Viagem Teatral do Sesi. Seu segundo monólogo, "Cartas Libanesas", texto de José Eduardo Vendramini, foi indicado aos prêmios Shell, APCA e Aplauso Brasil na categoria melhor autor, apresentou no Festival Internacional de Teatro de Tanger em Marrocos e Theatre Monom em Beirute/ Líbano.  

Confira a programação completa do projeto 'Contaminações' aqui.

Outras programações