Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Novo projeto do Sesc Pompeia propõe diálogo entre arte e educação

Com início no próximo sábado, 17/3, Educação Transversal discute educação formal e não-formal.
Com início no próximo sábado, 17/3, Educação Transversal discute educação formal e não-formal.

Entendendo transversalidade como a capacidade daquilo que atravessa diferentes referências, e educação como a partilha e a experimentação do mundo, o projeto Educação Transversal pretende discutir temas que, a partir de suas especificidades, inspirem redes de conexão e outras possibilidades de pensar e agir sobre o campo educacional. Concebe-se, dessa forma, que, como efeito de um significativo processo de horizontalidade das práticas educativas, transversalidade e educação na contemporaneidade apresentam-se como instâncias indissociáveis.

Trata-se de um projeto que envolve todas as áreas da programação cultural do Sesc Pompeia: Artes Cênicas, Música, Socioeducativo, Oficinas de Criatividade e Artes Visuais. Compõe-se de ações diversas, oficinas, encontros, visitas guiadas e exibições artísticas, mediadas por educadores, filósofos, pensadores e artistas, em diálogo com temas candentes do campo da educação formal e não-formal. Destina-se a educadores, estudantes e interessados em geral.

Oficinas de Criatividade

Dentre as ações planejadas pelo Núcleo de Oficinas para o projeto Educação Transversal, destaca-se o Caixa de Ferramentas, ação voltada a professores de escolas públicas e privadas e educadores em geral, com o objetivo de aproximar a educação formal da arte-educação e potencializar o diálogo entre as múltiplas linguagens artísticas e seus educandos. A proposta, composta de um encontro mensal, visa contribuir para que os educadores ampliem seu repertório de ferramentas e práticas artísticas, incorporando-as em suas vivências pedagógicas. Entre as linguagens exploradas estão: fotografia, cerâmica, gravura, desenho, pintura, tecnologia, arte têxtil e artes do corpo.

 

 
Atividade do projeto Caixa de Ferramentas, do dia 24/3, será mediada
por Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marues (Foto: Complô Produções)


Socioeducativo

Já o núcleo socioeducativo dará continuidade ao projeto Educação Plural, o qual visa debater a educação formal e não-formal a partir da ótica de diversos educadores, filósofos e outros pensadores. Como disparador para os encontros em 2018, propõe-se o macrotema Crise e Insurgência, uma vez que nos parecem relevantes as discussões acerca dos entraves e alternativas da escola como instituição democrática. Se, por um lado, a ideia de crise é tida como ocasião de desencaixe das formas precedentes, por outro, ela também oportuniza a emergência de horizontes outros, insurgindo-se contra padrões estanques de transmissão das experiências culturais. Olhares Compartilhados, por sua vez, é um projeto interessado em ações que contemplem agendamentos de grupos para visitas mediadas em exposições, espetáculos teatrais e demais ações artísticas do Sesc Pompeia.


O Prof. Dr. Julio Groppa Aquino fala sobre Educação Pelo Arquivo,
bate-papo do Educação Plural, no dia 17/3, às 15h (Foto: Divulgação)

Artes Visuais

O núcleo de Artes Visuais planeja continuar com as ações do projeto Diálogos Abertos, iniciado em 2017. Por meio de minicursos, encontros, intervenções artísticas e oficinas, o projeto apresenta atividades que abordam temas atuais e presentes no circuito artístico contemporâneo, dando visibilidade e promovendo o debate e a reflexão sobre questões do cotidiano dos diferentes personagens da área, como artistas, curadores, educadores, críticos e historiadores de arte.

Música

O Núcleo de Música propõe três ações complementares e trimestrais. Em Pensar Música, estão previstos encontros com músicos e compositores interessados em, partindo de bate papos e técnicas musicais, criar composições conjuntas em processos criativos colaborativos. Ainda no campo da música como desencadeadora de reflexões em seus aspectos formais, em Classificação Musical pretende-se a discussão sobre os critérios definidores de gêneros musicais no contexto musical contemporâneo. Já em Ensaios Abertos, se oferece ao público interessado a possibilidade de acompanhar os ensaios finais de produção de um disco inédito.

Artes Cênicas

Por fim, o Núcleo de Artes Cênicas oferece o projeto Experiência Sensível, série de ações participativas que objetivam trabalhar os elementos que compõem as diferentes cenas – teatro, dança e circo – a partir da óptica de oficinas e vivências voltadas a estudantes e educadores.

Formam as primeiras ações do projeto ao longo do ano de 2018 o encontro Educação Plural – Educação pelo arquivo, com o professor Júlio Groppa Aquino, em 17 de março, às 15h; além da oficina Caixa de Ferramentas – Vídeo e Fotografia em celular como ferramenta de formação de olhar, com Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques, a acontecer em 24 de março, às 15h. Ambas as atividades são gratuitas. Os interessados devem retirar ingresso na Loja Sesc, 30 minutos antes das atividades.

Outras programações

Artes Visuais

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

SESC Pompeia

Saiba mais

Artes Visuais

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

SESC Pompeia

Saiba mais

Artes Visuais

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

SESC Pompeia

Saiba mais

Artes Visuais

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

SESC Pompeia

Saiba mais

Artes Visuais

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

SESC Pompeia

Saiba mais

Artes Visuais

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

Encadernação [intermediário]: Costuras aparentes e capa flexível

SESC Pompeia

Saiba mais