Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

BNegão passeia pela discografia de Dorival Caymmi

Foto: Ândrea Possamai.
Foto: Ândrea Possamai.

Até hoje me lembro da sensação completamente sem precedentes que senti quando a música daquele disco começou a sair pelas minhas caixas de som, tal foi o impacto daquilo dentro de mim”, descreveu o artista carioca BNegão sobre a primeira vez que ouviu a música de Dorival Caymmi, artista que ganha sua homenagem nos próximos dias 28 e 29, no Sesc Pompeia.

Ocorre é que, quando a agulha singrou pelos sulcos daquele velho vinil, o que aconteceu foi como se eu tivesse sido jogado em uma jangada, em pleno mar aberto, à deriva, tentando sobreviver e me manter inteiro, até o final daquilo tudo”, completou. O abalo que o disco “Caymmi e Seu Violão” causou ainda na juventude do carioca foi uma das maiores influências em sua carreira musical. E é esse impacto que ele pretende levar ao público do show BNegão Canta Dorival Caymmi. Junto com o violinista Bernardo Bosisio, ele irá interpretar o álbum “Canções Praieiras”.


Todo mês, samba no Sesc!

Cre´dito A^ndrea Possamai
Crédito: Ândrea Possamai.

A apresentação faz parte do projeto Samba Imenso, que leva mensalmente ao Sesc Pompeia grandes nomes desse gênero musical, interpretados por renomados artistas desse ritmo tão brasileiro. Dorival Caymmi foi escolhido para compor o repertório de abril do projeto pela grande relevância que o álbum possuí no cenário do MPB. Os efeitos do primeiro disco de Caymmi, lançado em 1954, ainda ecoam nos dias de hoje. “E levar tudo isso ao palco é a nossa principal missão”, explicou BNegão.


Apenas com uma voz e um violão...para que nós possamos/consigamos transportar as pessoas – que venham a se aventurar conosco – para aquele mesmo barquinho, àquela mesma jangada, para a qual aquele garoto de 16 anos foi levado. E nunca mais esqueceu, desde então”.

Outras programações