Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

A melhor amiga da bola

As práticas esportivas fazem mais parte do seu cotidiado do que você imagina. Deixar o carro em casa e ir andando a algum lugar e usar a escada ao invés do elevador são atividades que, feitas em grupo, podem se tornar mais leves e prazerosas. Principalmente pela possibilidade de compartilhar dificuldades, conhecer pessoas novas e escrever novas histórias por meio do diálogo e da atividade física.

De acordo com a atleta Milene Domingues, esse é o papel do esporte: proporcionar não só o bem-estar físico, mas também o espaço para praticar os exercícios que você gosta, respeitar as individualidades de cada um e saber trabalhar em equipe. E foi jogando bola com os irmãos na rua de sua casa que ela encontrou esse ambiente acolhedor.

A ex-jogadora de futebol começou a fazer embaixadinhas por não ter abertura para jogar com os meninos na rua de sua casa, em situações em que seus irmãos não estavam com ela. Porém, o obstáculo não impediu que Milene continuasse treinando. Com o passar do tempo, o esporte proporcionou que ela conquistasse esse espaço. Hoje, a atleta carrega o título de rainha das embaixadinhas, com recorde de 55.197 embaixadinhas em 9 horas e 6 minutos.

Eu incentivo demais a prática esportiva, e não é para ser atleta ou campeão mundial. E sim para levar ensinamentos para a sua vida social, vida amorosa, vida profissional. Então é muito importe, e eu vejo que a mentalidade das pessoas tem mudado bastante.

Em entrevista concedida no Sesc Birigui, a atleta contou como lidou com o preconceito sofrido por ser uma mulher no futebol, ressaltou a importância do exercício físico no cotidiano das pessoas e falou sobre a relativização entre sexualidade e esporte.

Confere aí! 

Outras programações