Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Idosos e a cidade: Sesc Avenida Paulista promove cursos de Graffiti e oficinas de Parkour para a terceira idade

Idosos, Parkour e a Cidade | Foto: Divulgação
Idosos, Parkour e a Cidade | Foto: Divulgação

Entre os meses de fevereiro e abril o Sesc Avenida Paulista promove curso e oficina voltados para a terceira idade: Graffiti – Intervenções Urbanas, Idosos, Parkour e a Cidade. As atividades buscam fornecer opções de contato com o ambiente urbano, a atividade física e a arte, como forma de combater o sedentarismo e estimular a convivência. As modalidades oferecidas propiciam aos participantes a vivência de práticas geralmente voltadas para jovens, dando a oportunidade de experimentar algo inusitado, incorporando novas habilidades e diversificando seu repertório cultural e físico.

O curso de Graffiti é ministrado por Rui Amaral, responsável por um dos maiores painéis da cidade, e acontece de 13 de fevereiro a 03 de abril, com inscrições a partir do dia 01/02. Já a oficina de Parkour, tem sessões de 06 de fevereiro a 13 de março, com retirada de ingressos com meia hora de antecedência, e é ministrada pelo bailarino e poeta Jeronimo Bittencour e a bacharela em dança Danielli Mendes

 

GRAFFITI – INTERVENÇÕES URBANAS

Painel de Rui Amaral no túnel da Avenida Paulista

No cenário atual, a degradação ambiental urbana incomoda e é visível a todos. Sendo assim o curso “Graffiti: Intervenções Urbanas” visa ampliar a consciência cidadã e sensibilizar as/os participantes sobre a importância da preservação ambiental nos centros urbanos.

O curso prevê a realização de atividades de rua nos entornos do Sesc, que propiciam a prática dos conhecimentos discutidos sobre esta arte urbana. A ação tem o foco na transformação do ambiente em que vivemos num lugar criativo e interessante, onde o protagonista é o participante. A prática do graffiti estimula a reflexão sobre a estética urbana, o papel da educação e da arte contemporânea, com o objetivo de valorizar os movimentos artísticos no espaço público e privado.

Rui Amaral é artista plástico multimídia, ativista cultural, 58 anos, paulista. É um dos pioneiros do movimento do graffiti brasileiro, tendo um dos maiores murais na cidade de São Paulo. Trabalha com desenho animado, murais, instalações.

 

IDOSOS, PARKOUR E A CIDADE

A oficina discute a relação do idoso com os espaços públicos urbanos, mostrando novas possibilidades de interação com seus ritmos e sua arquitetura. Na atividade, a potência desse corpo é estimulada a partir de uma experiência direta de reaproximação com a cidade, integrando os participantes com o ambiente ao seu redor.

Jerônimo Bittencourt é bailarino, performer, professor e praticante de Parkour. Pratica parkour há 11 anos e é Co-fundador do grupo Le Parkour Brasil. Desde 2008 pesquisa a intersecção entre dança, parkour e arquitetura.

Danielli Mendes é graduada em Bacharelado e Licenciatura em Dança pela Universidade Estadual de Campinas. Integra a Cia.Perversos Polimorfos e já trabalhou com nomes como Marta Soares, Elisabete Finger, Carolina Bianchi e Morena Nascimento.

 

Outras programações

Artes Visuais

O Tempo Mata - Imagem em Movimento na Julia Stoschek Collection

O Tempo Mata - Imagem em Movimento na Julia Stoschek Collection

SESC Avenida Paulista

Saiba mais