Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

O tamanho que o planeta é

Pegar fruta do pé, brincar na terra, descobrir de onde vem a couve, provar o gosto do cambuci. O que todas essas experiências têm a nos ensinar, para além do que se vê nos livros ou nos quadros negros da escola? O documentário 'O tamanho que o planeta é' crava os pés na terra para traçar, entre as trilhas da mata e da cidade, reflexões sobre educação, infância e natureza: 

 

 

>> Assista à versão com audiodescrição.

>>> Assista à versão com legendas e libras


O processo de urbanização no Brasil está cada vez mais intenso. Segundo o IBGE no Censo 2010, 84% da população brasileira vive em cidades. Nesse cenário, encontrar as brechas no concreto - e também na correria do cotidiano - para nos religarmos à natureza é fundamental.  Só assim podemos resgatar a noção de biofilia – ligação emocional e inata com as outras formas de vida e os elementos que compõem o ambiente – uma dimensão tão valiosa, que amplia relações, repertórios e a imaginação. 

No documentário "O tamanho que o planeta é", o Sesc São Paulo foi ouvir relatos e retratar experiências de especialistas que trabalham e pensam a educação sob diferentes perspectivas. Entre os profissionais entrevistados estão a arquiteta e pesquisadora Beatriz Goulart (Projeto Âncora); o educador Jaison Lara (Casa Ecoativa); a liderança indígena Jerá Poty (Guarani MBYA); Laís Fleury (Instituto Alana); a educadora musical Lucilene Silva (Oca Escola Cultural); a pedagoga Maria Amélia Pereira "PEO" (Fundadora da Casa Redonda) e o pesquisador e consultor Roque Antônio Soares Júnior "Roquinho" (Instituto Brincante).

A inspiração para 'O tamanho que o planeta é' surgiu inspirado no Seminário Latino-Americano Criança e Natureza, realizado em 2018 pelo Sesc São Paulo em parceria com o Instituto Alana. A partir dessa parceria, uma série de atividades tem destacado a importância do contato da criança com a natureza nas unidades. Entre elas estão os encontros com educadores sobre o tema "Desemparedamento da Infância", a partir da discussão apresentada no livro de mesmo nome, organizado por Maria Isabel Amando de Barros. 
 

      

"A natureza é a casa da infância.
A nossa vastidão interna só encontra resposta pro desejo na natureza,
que é tão ampla e tão vasta quanto a gente mesmo."
- Roque Antônio Soares Júnior "Roquinho" (Brincante).

Outras programações