Sesc SP

portal
Roteiro escrito com base em improvisações dos atores, e a partir de duas fontes literárias: o estudo teórico Raízes do Brasil, de Sérgio Buarque de Holanda e a peça O Senhor Puntila e seu Criado Matti, do dramaturgo alemão Bertolt Brecht.

As personagens centrais e a estrutura narrativa se inspiram no Puntila de Brecht. Como ele, o personagem Cornélio é proprietário rural que oscila de caráter para aprofundar sua condição de classe: sentimental e fraterno quando bêbado, impiedoso e distante quando sóbrio. De todo jeito, um patrão que exerce a “ética de fundo emotivo” descrita por Sérgio Buarque de Holanda.

Longe da Finlândia original, O Patrão Cordial nasceu no Brasil, no Vale do Paraíba, nas encostas da Serra da Mantiqueira. A ação se passa no início dos anos 1970, tempo do “milagre econômico” da ditadura militar. A distância permite examinar processos atualíssimos sobre o imaginário das relações de trabalho no país.

Ingressos à venda pela rede INGRESSOSESC a partir de 01/11, às 14h nas unidades.

De: Companhia do Latão 



Dramaturgia e direção: Sergio de Carvalho.



Elenco: Adriana Mendonça, Carlos Escher, Helena Albergaria, Ney Piacentini, Renan Rovida, Ricardo Monastero, Rogério Bandeira e Rony Koren.
Direção musical e composição:
Martin Eikmeier
Músicos convidados:
Alessandro Ferreira e Martin Eikmeier
Cenário e Figurinos:
Cassio Brasil
Assistência de Cenografia:
Ana Rillo e Tarsila Martins Maia.
Cenotécnica:
Waldomiro Paes
Iluminação:
Melissa Guimarães
Pesquisa de luz nos ensaios abertos:
Laiz Modolo e Valeria Lovato
Desenhos do programa e cartaz:
Ricardo Bezerra
Diagramação e arte gráfica:
Pedro Penafiel
Assistência de direção e dramaturgia:
Paula Bellaguarda e Sara de Mello Neiva
Produção:
João Pissarra
Teatro

O Patrão Cordial Companhia do Latão 12

Essa atividade aconteceu de 08/11/2013 a 15/12/2013
no Sesc Belenzinho.

Mas nossa programação não para!
Quer fazer uma nova busca?
Clique em Programação e fique por dentro de tudo o que está acontecendo nas Unidades do Sesc em São Paulo