Sesc SP

Esta atividade faz parte da

Paratodos! - Acessibilidade em atividades artísticas, incluindo pessoas com deficiência saiba mais

Gingando

Com Yamandu Costa, Alessandro Penezzi, Rogério Caetano, Marcello Gonçalves, Luizinho 7 Cordas, Toninho Ferragutti, Dininho e Amélia Rabello.

O show inédito reúne os violonistas Yamandu Costa, Alessandro Penezzi, Marcello Gonçalves, Rogério Caetano e Luizinho 7 Cordas, além do acordeonista Toninho Ferragutti, em tributo aos 100 anos de nascimento de Dino 7 Cordas (1918-2006), músico que revolucionou a linguagem do instrumento e foi dos mais requisitados acompanhantes da Era do Rádio e de gravações em disco. O baixista Dininho (filho do homenageado) e a cantora Amélia Rabello (irmã de Raphael Rabello) e fazem participação especial. O repertório abrange o cancioneiro brasileiro de samba, choro, baião e MPB.

Dino 7 Cordas - Horondino Silva, mais conhecido como Dino (1918-2006), foi um músico que revolucionou a linguagem do instrumento e representa a base da "árvore genealógica" dos violonistas de 7 cordas da atualidade. Dino também marcou a Era do Rádio e a história da discografia brasileira por ter sido um dos mais requisitados acompanhantes de todos os tempos no Brasil.

O tributo "Gingando: Centenário Dino 7 Cordas" no mês de nascimento do violonista. O elenco é formado por cinco herdeiros musicais de diferentes gerações e regiões do país: o gaúcho Yamandu Costa, os paulistas Alessandro Penezzi e Luizinho 7 Cordas, o carioca Marcello Gonçalves e o goiano Rogério Caetano. Em clima de sarau, o espetáculo inicia com apresentações em duos e trios e segue num crescendo com as participações do acordeonista Toninho Ferragutti, da cantora Amélia Rabello (irmã de Raphael Rabello (1962-1995) e do contrabaixista Dininho (filho do homenageado).

O repertório abrange o cancioneiro brasileiro do samba (Noel Rosa, Cartola, Nelson Cavaquinho, Chico Buarque), do choro (Pixinguinha, Jacob do Bandolim, Ernesto Nazareth), do baião de Luiz Gonzaga, e outros gêneros e compositores que foram marcados pelos arranjos de Dino.

São canções que retratam a linha do tempo do violonista em quase 70 anos como profissional do rádio e dos estúdios, desde o tempo em que integrava o Regional de Benedito Lacerda (entre as décadas de 1930 e 1940, incluindo a fase com Pixinguinha), passando pelo Regional do Canhoto (de 1951 aos anos 1970) e o Época de Ouro (criado por Jacob do Bandolim, nos anos 1960 até meados de 2000).

Ficha técnica:

:: Concepção: Equipe Sesc Santana e Alessandro Soares.

:: Direção artística: Alessandro Soares.

:: Produção executiva: Igor Fearn.

:: Diretor técnico: Adonias Souza Jr.

:: Técnicos de som: Daniel Tapia e Felipe Baudauf.

:: Iluminador: Silvestre Garcia Jr.

:: Roadie: Luís Silva.

:: Videocenário: Paulo Garcia.

 

A quantidade máxima permitida para compra e/ou retirada é de 4 ingressos por pessoa.

 


Teatro. 

 

(Foto: Divulgação)

saiba mais

Ações para a Cidadania

Gingando: Centenário Dino 7 Cordas Espetáculo com Serviço de Audiodescrição 12

Essa atividade aconteceu em 27/05/2018 no Sesc Santana.

Mas nossa programação não para!
Quer fazer uma nova busca?
Clique em Programação e fique por dentro de tudo o que está acontecendo nas Unidades do Sesc em São Paulo