Sesc SP

Arte-veículo

O projeto contempla uma exposição coletiva com 47 artistas e grupos estudados na pesquisa Arte-veículo da curadora proponente Ana Maria Maia. Desde a televisão, inaugurada em 1951, e a internet, difundida no início dos anos 2000 -, diferentes artistas e grupos figuraram no agendamento midiático para nele experimentar e praticar "inserções em circuitos ideológicos", como alegou Cildo Meireles em 1970. Ou disseminar "ideias vírus", conforme Giseli Vasconcelos prescreveu já em 2006, fazendo ressoarem ao longo das décadas os termos de uma relação que se dá entre os veículos de comunicação como hospedeiros e os artistas como parasitas.