Sesc SP

Esta atividade faz parte da

Tragédias - Produções e atividades formativas que discutem a permanência do gênero trágico na contemporaneidade saiba mais

medea

Com Kenan Bernardes. O espetáculo tem como disparador a jornada mítica de Medeia, do tragediógrafo grego Eurípedes, em fricção com alguns dados históricos de negros escravizados nas Minas Gerais no século XVIII. Ao saber que seu filho Age seria perseguido, mutilado e novamente aprisionado à boca de uma mina de ouro, Medea, uma mulher negra e escravizada na Vila Rica de Nossa Senhora de Pilar de Ouro Preto decide por sacrificá-lo, numa tentativa de libertá-lo da própria sina no penoso trabalho nas minas de ouro que moveram a economia do Brasil durante séculos.

Dramaturgia: Rudinei Borges / Direção: Juliana Monteiro / Atuação: Kenan Bernardes / Luz: Wagner Antônio / Espaço: Juliana Monteiro e Wagner Antônio / Desenho De Som: João Paulo Nascimento / Desenho do Canto: Maria Cordélia / Figurino: Carol Badra / Orientação na pesquisa teórica: Salloma Sallomão / Provocação Corporal: Luciana Lyra

Local: Teatro

(Foto: Juleta Bacchin)

Teatro

Medea Mina Jeje L

Essa atividade aconteceu em 19/09/2018 no Sesc Campinas.

Mas nossa programação não para!
Quer fazer uma nova busca?
Clique em Programação e fique por dentro de tudo o que está acontecendo nas Unidades do Sesc em São Paulo