Sesc SP

Esta atividade faz parte da

Singularidades - Trabalhos na interface entre dança e performance, autorais, autobiográficos, que podem ser aproximados por meio de questões em comum saiba mais

abominavel e besta

Os solos Abominável, Besta, Gênera e Marcela Banguela se juntam no Projeto Singularidades a fim de criar um terreno comum que potencialize o olhar sobre as questões que os permeiam, reconhecendo que cada trabalho é em si a proposta, o desejo e a urgência de um outro modo de existir.

Abominável é uma reunião de abelhas. Memória de tempestade de neve. Voz que sai de dentro de uma caixa de violino. Esforço de tradução. Vento adentrando a floresta. Transformação de água em vapor em chuva em terra molhada.

Larissa Ballarotti atua entre as áreas da dança, performance, cinema, literatura. Faz parte do Coletivo Elástica como diretora e performer. Trabalha em colaboração com Paula Ramos na criação de filmes experimentais. Pesquisa a relação entre voz e corpo desde a criação do espetáculo solo “Divertissement” (2014).

Ficha Técnica
Criação e Direção de Dança: Larissa Ballarotti /  Assistência de Direção: Carolina Minozzi/ Estudo de Voz:  Inés Terra  / Som: Larissa Ballarotti, Inés Terra / Luz: Laura Salerno / Produção: Carolina Goulart / Fotografia: Mayra Azzi/ Registro em Vídeo: Bruta Flor Filmes, Paula Ramos/ Colaboração: Carolina Bianchi, Korina Kordova, Cris Lyra, Alessia Krisanowski, Patrícia Bergantin, Artistas Residentes Contágio 8x1, Bruna Lessa / Apoio: espaços de ensaio e residência artística: Residência Contágio 8x1 (Patrícia Bergantin/ Centro da Terra), CRDsp, Beatriz Mentone, Espaço Haiom, Raquel Lima, Capital 35, Galeria Olido.

Besta é o desejo por uma revolução do tempo, que afirme a existência como potência, o estar como acontecimento que se basta em si. Um elogio ao estado contemplativo, ao bestar, ao "fazer nada" e ao corpo em suas indeterminações.

Joana Ferraz trabalha atualmente com: Carolina Bianchi, como performer em Quiero Hacer el Amor e como assistente de direção de Lobo; com Júlia Rocha na dança Sumo; com o Cerco Coreográfico na peça AMA. Flerta com o contexto das festas underground, no qual realizou mostra do processo de seu trabalho mais recente, Dilúvio.

Ficha Técnica
Som Joana Ferraz e Ricardo Vincenzo / Luz Laura Salerno / Produção Carolina Goulart / Criado com apoio das residências artísticas Lugarização, Exercícios Compartilhados e espaço Project 189 - Banguecoque/Tailândia / Duração 45min

Local: Auditório (30 lugares)

Dança

Solos: Abominável e Besta Com Larissa Ballarotti e Joana Ferraz 16

Essa atividade aconteceu em 13/04/2019 no Sesc Ipiranga.

Mas nossa programação não para!
Quer fazer uma nova busca?
Clique em Programação e fique por dentro de tudo o que está acontecendo nas Unidades do Sesc em São Paulo