Sesc SP

Esta atividade faz parte da

Tocando o Terror - Espetáculos, filmes, oficinas, encontros com escritores e cineastas tendo o saiba mais

Foto Andre Vianco    credito Daniela Ometto 2019-07

Uma roda de conversa que atravessa a literatura, o cinema e as HQ´s, costurando os elementos que a literatura fantástica e o gênero de terror trazem de mais genuíno.

Com André Vianco, Marcos DeBrito, Raphael Fernandes. Mediação: Santiago Nazarian

André Vianco: escritor, roteirista, dramaturgo e diretor, e um dos mais renomados autores da ficção fantástica nacional. Criador de uma elogiada obra que inclui títulos de terror, suspense, sobrenatural e fantasia, já ultrapassou a marca de 1 milhão de exemplares vendidos. Mora em Osasco, cujas ruas ele preenche com constante contato com o sombrio.

Marcos DeBrito: é um cineasta premiado e vem sendo considerado a grande renovação na produção de filmes de suspense e terror no Brasil. Começou a escrever histórias que lhe vinham à cabeça apenas para lidar com seus próprios medos, na esperança de esconjurar seus demônios e calar as vozes que não o deixavam em paz. O destaque de sua produção está na crueza como retrata as diferentes faces do mal, mas não é apenas isso. Todas as suas histórias contêm elementos de mistério e surpresas que desafiam o público a desvendar a mente dos personagens. Diretor, roteirista e escritor; pela Faro Editorial lançou O escravo de capela e A casa dos pesadelos. Além do romance, À Sombra da Lua, lançado pela Rocco, e a adaptação para livro do seu longa-metragem Condado Macabro.

Raphael Fernandes: roteirista, editor, tarólogo e historiador formado pela USP, além de ter editado a revista MAD por 10 anos. Dentre seus diversos trabalhos como roteirista de quadrinhos, destacam-se: Ditadura No Ar (2015), O Despertar de Cthulhu (2016), Demônios da Goetia (2017), A Teia Escarlate (2017) e a série de ação Apagão (2015), que mostra uma cidade de São Paulo dominada por gangues após um blecaute. Ganhou diversas vezes o Troféu HQMix, como editor e roteirista. Tem profundo interesse por tudo o que é esquisito, macabro, obscuro e oculto.

Santiago Nazarian: autor de diversos romances, entre eles Neve Negra (Companhia das Letras, 2017), Biofobia (Editora Record, 2014) e Mastigando Humanos (Nova Fronteira, 2006, Record 2013). Descreve seu projeto literário como "existencialismo bizarro", no qual mescla questões atemporais da literatura existencialista com cultura pop, humor negro e horror. Tem obras publicadas em vários países da América Latina e Europa e direitos vendidos para cinema e teatro. Em 2003 ganhou o Prêmio Fundação Conrado Wessel de Literatura com seu romance de estreia. Em 2007, foi eleito um dos escritores jovens mais importantes da América Latina pelo júri do Hay Festival em Bogotá, Capital Mundial do Livro. Além de escritor, é tradutor, roteirista e colabora em diversos periódicos.   

Local: Convivência

Literatura

Terror no Brasil: Literatura, Cinema e HQ's 12

Essa atividade aconteceu em 25/08/2019 no Sesc Santo Amaro.

Mas nossa programação não para!
Quer fazer uma nova busca?
Clique em Programação e fique por dentro de tudo o que está acontecendo nas Unidades do Sesc em São Paulo