Sesc SP

 1200x4883

“O lugar mais escuro é embaixo da luz” conta com a participação criativa e dançante de Elton Sacramento, Laura Samy e Maria Alice Poppe. Esse trabalho percorre a cena pelas escolhas e pelo olhar sensível de cada dançarino, por suas proporções, distâncias e atenções tecidas no mover.  Uma via de acesso que permite-nos perceber humor e inquietude numa comunicação cênica firmada por informações momentâneas do olhar. Enxergar é sempre uma ação agitada que nesse campo de atenções, torna-se parte de uma consciência física e instintiva, percorrida por anseios, ritmos e hábitos.

Ficha técnica
Encenação e direção: João Saldanha
Criação: Elton Sacramento, João Saldanha, Laura Samy e Maria Alice Poppe
Dançarinos: Elton Sacramento, Laura Samy e Maria Alice Poppe
Trilha incidental: Sacha Amback.                      
Operação de som: Thiago Tafuri
Costureira: Lucia Lima
Objeto Prisma: Custódio
Cocar: Marcela Saldanha
Produção: Corpo Rastreado
Duração: 75 minutos

Agradecimentos: Baruch de Espinosa, Izabel Stewart, Adriana Maciel, Mauricio Rocha, Francisco Palmeiro, Sacha Amback, Claudia Damazio, Irene Ferraz, Escola de Cinema Darcy Ribeiro, Tato Taborda, AIKIDO Rio de Janeiro, André Gracindo, SESC RJ, Gabi Gonçalves, SESC SP.

Foto: Renato Mangolin

Local: Espaço Expositivo (2º andar)

Dança

O lugar mais escuro é embaixo da luz Direção: João Saldanha 14

Essa atividade aconteceu em 12/09/2019 no Sesc Pinheiros.

Mas nossa programação não para!
Quer fazer uma nova busca?
Clique em Programação e fique por dentro de tudo o que está acontecendo nas Unidades do Sesc em São Paulo