Sesc SP

Esta atividade faz parte da

Sesc Jazz 2019 - A segunda edição do Sesc Jazz reúne artistas de quatro continentes para mostrar as vertentes da produção contemporânea saiba mais

Nelson%20Ayres%20Big%20Band%20(Brasil%20%E2%80%93%2.jpg

Nelson Ayres Big Band
Brasil – SP

Nelson Ayres é um dos artistas mais conceituados da música instrumental brasileira. Aos 72 anos, o pianista, compositor e maestro contabiliza uma série de parcerias com artistas estrangeiros e nacionais – de Dizzy Gillespie a Vinicius de Moraes –, além da regência por uma década da Orquestra Jazz Sinfônica do Estado de São Paulo e também de diversas outras prestigiosas, como a Orquestra Filarmônica de Israel.
A big band que leva o seu nome existe desde 1973 e virou referência para as que vieram depois, como a Banda Mantiqueira e a Soundscape. É formada por 14 músicos. Entre eles, há dois que costumavam assistir às apresentações da formação original desde a plateia (Ubaldo Versolato e Nahor Gomes) e outros dois que nem sequer tinham nascido quando a big band nasceu (Cássio Ferreira e Rubinho Antunes).
A mistura de música brasileira com jazz virou a marca da banda, que vai tocar no Sesc Jazz algumas composições que fazem parte da sua história, como "Meio de Campo", de Gilberto Gil, com arranjo de Ayres,     "Corcovado", de Tom Jobim, e "Organdi e Gomalina", do próprio maestro. Essas duas últimas integram o álbum mais recente do grupo, "Nelson Ayres Big Band", lançado em 2017.

Nelson Ayres (piano)
Cássio Ferreira (saxofone)
Mauro Oliveira (saxofone)
Lucas Macedo (saxofone)
César Roversi (saxofone)
Ubaldo Versolato (saxofone)
Nahor Gomes (trompete)
João Lenhari (trompete)
Bruno Belasco (trompete)
Rubinho Antunes (trompete)
Fábio Oliva (trombone)
André Tinoco (trombone)
Joabe Reis (trombone)
Diego Calderoni (trombone)
Alberto Luccas (baixo)
Ricardo Mosca (bateria)

 

Yissy García & Bandancha
Cuba

A baterista Yissy García é filha de Bernardo García, cofundador da Irakere, uma das mais importantes bandas cubanas, da qual também participou Arturo Sandoval, outra atração deste Sesc Jazz. Ela teve os primeiros contatos com o jazz a partir das fitas cassete trazidas pelo pai de viagens aos Estados Unidos. Foi aí que conheceu artistas como o pianista Herbie Hancock e iniciou a formação musical que define o seu trabalho.
Nome de destaque da nova cena musical de Cuba, Yissy é a líder da Bandancha, grupo que funde sonoridades caribenhas e elementos eletrônicos ao cânone do jazz norte-americano. Entre as referências essenciais à sua formação, ela cita tanto Buddy Rich, considerado um dos maiores bateristas da história do jazz dos Estados Unidos, quanto músicos cubanos, como Julio Barreto.
Com a Bandancha, Yissy García lançou em 2015 o seu primeiro álbum de estúdio, "Última Noticia", em que revela essa mistura desde a primeira música, "Cambios", com scratches típicos de DJs manipulando vinis com as mãos dividindo a base com a bateria ritmada e precisa da cubana.

Yissy García (bateria)
Miguel Ángel García (piano)
Lino Piquero Bueno (baixo elétrico)
María Garcia (percussão)
Julio Rigal (trompete)


 

Teatro | 270 lugares.

[Foto: Divulgação]

:: Ingresso válido para os dois shows que acontecem nesta data. Limitado a 4 ingressos por pessoa.

RECADO IMPORTANTE:
Comprou ingresso online? Lembre-se de que é necessário realizar a impressão do seu ingresso em uma das bilheterias do Sesc no Estado de São Paulo para garantir a sua entrada. Para isso, basta ir até uma de nossas Unidades e apresentar um documento com foto.

Música

Nelson Ayres Big Band (Brasil – SP) + Yissy García & Bandancha (Cuba) 12

Essa atividade aconteceu em 26/10/2019 no Sesc Sorocaba.

Mas nossa programação não para!
Quer fazer uma nova busca?
Clique em Programação e fique por dentro de tudo o que está acontecendo nas Unidades do Sesc em São Paulo