Sesc SP

Esta atividade faz parte da

Samba-jazz + 50 - Convite para a descoberta da sonoridade criada por artistas que vivenciaram o surgimento desse gênero e dos trabalhos influenciados por eles saiba mais

Fernando Barros portal
Os encontros têm como objetivo promover um conhecimento básico sobre o que foi e o que é o samba jazz, como nasceu esta maneira de tocar samba, por que musicalmente o movimento foi importante, quais foram os músicos responsáveis por esta modificação e como o mercado reagiu a essas mudanças. O bate-papo revelará o que existe de comum nos músicos Hermeto Pascoal, Sergio Mendes, Sabá, César Camargo Mariano, entre outros, discutindo os reflexos dessa imensa transformação musical e social na atual cena instrumental brasileira. O condutor colocará gravações da época durante a conversa para exemplificar o que está sendo falado, identificando elementos musicais.

Fernando Lichti Barros é jornalista, produtor e músico catanduvense, autor dos livros: “Casé – Como Toca Esse Rapaz!” e “Do Calypso ao Cha-Cha-Chá – Músicos em São Paulo na Década de 60”. Como repórter e redator, trabalhou em O Estado de S. Paulo, Jornal do Brasil, Diários Associados e Jornal da Tarde, entre outras publicações. Contrabaixista e violonista, atuou em bailes e acompanhou intérpretes como Pery Ribeiro, Luiz Fernando Veríssimo e Paulo Moura.

(Foto: Divulgação) 

saiba mais

Música

Escuta Dirigida de Samba-jazz com Fernando Barros L

Essa atividade aconteceu em 31/10/2015 no Sesc Campo Limpo.

Mas nossa programação não para!
Quer fazer uma nova busca?
Clique em Programação e fique por dentro de tudo o que está acontecendo nas Unidades do Sesc em São Paulo