Foto Lenise Pinheiro
Foto Lenise Pinheiro

Agropeça

com Teatro da Vertigem

Pompeia

Duração: 130 minutos

16

atividade presencial

Local: Galpão

Ingressos a venda online a partir do dia 25/4, às 12h, e nas bilheterias a partir do dia 26/4, às 17h

Foto Lenise Pinheiro
Foto Lenise Pinheiro

 

O Teatro da Vertigem apresenta sua nova obra, desenvolvida em torno de questões relativas ao meio ambiente e ao agronegócio. Neste trabalho, o grupo paulistano se propõe a investigar o ambiente rural brasileiro, especialmente as regiões Sudeste e Centro-Oeste, estendendo-se para o Norte, no estado de Rondônia.

No meio de uma arena que ora é rodeio ora é o centro de um sítio, os personagens, à mesa de jantar ou prestes a domar um touro brabo, enfrentam-se na tentativa de desvendar um país que “rumina” e ao mesmo tempo “agoniza” em busca do próprio destino.

Uma criação do TEATRO DA VERTIGEM

Texto: Marcelino Freire

Direção geral: Antonio Araújo

Co-direção: Eliana Monteiro

Desenho de luz: Guilherme Bonfanti

Performers:

André D’ Lucca

Andreas Mendes

James Turpin

Lucienne Guedes

Mawusi Tulani

Paulo Arcuri

Tenca Silva

Vinicius Meloni

Artistas Colaboradores:

Nicolas Gonzalez

Lee Taylor

Dramaturgismo: Bruna Menezes

Assistente de Dramaturgismo: João Crepschi

Cenografia: Eliana Monteiro e William Zarella Junior

Sound Designer Associados: Randal Juliano, Guilherme Ramos e Kleber Marques

Figurino: Awa Guimarães

Visagismo: Tiça Camargo

Direção Musical e Trilha Original: Dan Maia

Direção vocal: Lucia Gayotto

Videografismo: Vic von Poser

Preparação corporal: Castilho, Ricardo Januário

Preparação Corporal (1 Fase): Fabrício Licursi

Direção de movimento: Castilho

Assistente de Direção: Gabriel Jenó

Assistentes de Iluminação: Giorgia Tolaini

Músicos: Lisi Andrade e Ricardo Saldaña

Operação de luz: Giorgia Tolaini

Operador de Áudio: Randal Juliano

Operadoras de Projeção: Júlia Ro e Vic von Poser

Operadores de Câmera: André Voulgaris e Matheus Brant

Operadores de seguidor: Igor Beltrão e Lays Ventura

Contrarregras: Clay Dalim, Flores Ayra, Gabriel Jenó e Jacob Alves

Cenotécnico: Zé Valdir Albuquerque

Montagem, Pintura e Tratamento de Cenografia: Elástica SP Cenografia

Sonoplastia dos Ensaios: Dener Moreira

Aulas de Laço: Gui Sampaio

Crânios de Boi: Vinicius Fragata

Tradutor Yorubá: Ermi Panzo

Assistente de arquitetura: Maria Piedade

Acompanhamento no projeto de luz: Chico Turbiani

Estagiária de Direção: Julie Douet Zingano

Estagiário de Iluminação: Felipe Mendes

Fotos: Lígia Jardim

Documentarista: Padu Palmerio

Designer: Guilherme Luigi

Assessoria de Imprensa: Canal Aberto

Produção: Corpo Rastreado – Leo Devitto e Gabi Gonçalves

Costureiras: Francisca Rodrigues e Cleonice Barros Correa

 

Utilizamos cookies essenciais, de acordo com a nossa Política de Privacidade, para personalizar e aprimorar sua experiência neste site. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.