Foto: Luiz Clau
Foto: Luiz Clau

Escritas de SI(DA) – o HIV/Aids na literatura brasileira

Com João Silvério Trevisan. Mediação: Leandro Noronha.

Contato

Carmo

Duração: 90 minutos

A16

atividade presencial

Grátis

Local: Biblioteca - 2º andar

Retirada de convites com 1 hora de antecedência.

Data e horário

De 07/12 a 07/12

Quarta

Quarta, às 18h

Foto: Luiz Clau
Foto: Luiz Clau

Como a literatura aborda hoje a temática, em relação com as décadas de 80 e 90? Qual a importância da escrita literária para a discussão do HIV/Aids? A atividade se propõe a refletir as relações entre HIV/Aids no Brasil e traz a temática de diversas formas e versos por meio de escritoras/es e poetas, positivas/os ou não, (re)escrevendo suas trajetórias e das pessoas ao seu redor.

O bate-papo busca pensar o surgimento e as transformações da epidemia de HIV/Aids na década de 1980 até os dias atuais a partir da literatura brasileira e de como diversas obras literárias acompanharam o desenvolvimento dessa temática.

João Silvério Trevisan é escritor, jornalista e ativista pelos direitos da população LGBTQIA+.

Leandro Noronha é jornalista e escritor do Coletivo Contágio.

Utilizamos cookies essenciais, de acordo com a nossa Política de Privacidade, para personalizar e aprimorar sua experiência neste site. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.