divulgação
divulgação

Maternidades e Paternidades Negras: do Atual ao Ancestral

Com Thainá Briggs, Luciana Bento, Ismael dos Anjos e Humberto Baltar

Cuidar de Quem Cuida

Rio Preto

AO VIVO
16

atividade online

Grátis

Zoom

Data e horário

De 22/10 a 22/10

Sábado

Dia 22, sábado, das 16h às 18h

divulgação
divulgação

Nesta roda de conversa, os convidados falam, a partir de suas experiências pessoais e de seus trabalhos, sobre os desafios e as especificidades da maternagem e da paternagem negras na atualidade. Quais são as preocupações e os desafios que acompanham mães e pais negros na atualidade?  Os convidados e convidadas ainda refletem sobre os ensinamentos e sabedorias da ancestralidade negra para pais e mães.

Com:
Thainá Briggs – assistente social há 15 anos, escritora, poetisa, gestora empresarial e pós-graduada em políticas públicas/direitos humanos/diversidade sexual e de gênero. Mãe solo, é coordenadora e idealizadora  do primeiro livro sobre mães pretas solos do Brasil “Mães Pretas – Maternidade Solo e Dororidade” (2021).

Luciana Bento – socióloga, blogueira, escritora e pesquisadora de literatura infantil. Formada em Ciências Sociais pela UFRJ, tem especialização em Gênero e Sexualidade (UERJ). É criadora do blog A mãe preta, no qual fala sobre maternidade, negritude e literatura, e do canal no Youtube Quilombo Literário, no qual fala sobre literaturas com protagonismo negro. Atualmente, é colunista do Portal Lunetas, onde escreve sobre infâncias, maternidade e educação antirracista.

Humberto Baltar – educador, tradutor, palestrante TEDx, consultor étnico-racial e coautor do livro Seja Homem, publicado pela editora Conquista. Diante do nascimento do filho Apolo, idealizou o coletivo Pais Pretos Presentes com a esposa, Thainá Baltar, formando uma rede de apoio, acolhimento, letramento racial, discussão e educação parental afroperspectivada para famílias pretas.

Ismael dos Anjos – jornalista pela UFMG, mestre em fotografia e consultor sobre masculinidades, equidade de gênero e raça. Cofundador do Instituto de Defesa da População Negra, coordenou o projeto “O Silêncio dos Homens”, pesquisa e documentário que abordam as construções sociais dos homens no Brasil.

 

Utilizamos cookies essenciais, de acordo com a nossa Política de Privacidade, para personalizar e aprimorar sua experiência neste site. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.