Imagem: Flávio Queiróz
Imagem: Flávio Queiróz

Plasticus Dei

Criação e performance: Andréia Nhur

Sorocaba

14

atividade presencial

Local: Teatro

Imagem: Flávio Queiróz
Imagem: Flávio Queiróz

Este solo é uma dança em looping ativada pela construção de um ambiente sonoro em tempo real. O trabalho apresenta um corpo em colapso entre a repetição ritualística e o uso poético de objetos descartáveis de consumo, congregando sobreposição de cantos religiosos, respiração, ruídos, vocalizações, gestos, figuras, percussão, imagens e fluxos exaustivos de movimento. O título faz menção ao Agnus Dei, parte da missa cristã, cantada ou recitada, em referência ao Cordeiro de Deus, aquele que tira os pecados do mundo. A criação partiu do Projeto Sonorocoreográfico – série de experimentos de canto integrado a movimentos produzidos em 2020 e 2021, na Bélgica (Destelheide Center e ASIL-Laboratório de Interação entre Arte e Ciência da Ghent University), em diálogo com as provocações do livro “O desaparecimento dos rituais: uma topologia do presente”, do filósofo Byung-Chul Han (2021). Para Han, enquanto o ritual é repetitivo, permanente e compartilhado, o consumo é individual, exaustivo, seriado e apressado.

Venda on-line: a partir de 22/11, terça, às 12h
Venda presencial: a partir de 23/11, quarta, às 17h

Utilizamos cookies essenciais, de acordo com a nossa Política de Privacidade, para personalizar e aprimorar sua experiência neste site. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.