Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Samba Virado À Paulista

Graça Braga, Raquel Tobias, Leandro Matos e Tito Amorim

Belenzinho

Duração: 90 minutos

14

atividade presencial

Local: Comedoria

Venda presencial a partir do dia 30/11 às 17h

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Show em homenagem aos compositores e interpretes que ajudaram a consagrar o estilo paulista de samba como: Adoniran Barbosa, Paulo Vanzolini, Isaurinha Garcia, Eduardo Gudin, Geraldo Filme e Germano Mathias, por meio de nomes contemporâneos do samba.

 

Com: Graça Braga (voz), Raquel Tobias (voz), Leandro Matos (voz e cavaquinho) e Tito Amorim (voz e cavaquinho).

 

GRAÇA BRAGA – Intérprete e compositora administrou o Bar Você Vai Se Quiser, uma casa de samba conceituada em São Paulo, por 15 anos, lançou seu 1º disco EU SOU BRASIL com músicas autorais em 2007, e recebeu, em 2009, o Troféu Catavento pela Rádio Cultura como Melhor Produção Independente de Samba e Melhor Música “Dona do Samba” (Graça Braga/Paqüera), canção esta que fala sobre as mulheres do samba. Em 2011 foi gravou o 2º disco DIA DE GRAÇA – SAMBA DE CANDEIA, com participação de Leci Brandão.

Como integrante do Samba da Vela, Graça foi a 1º mulher a apresentar composições autorais nessa tradicional roda de samba, atuou no Berço do Samba de São Mateus, participou do CD Berço do Samba de São Mateus lançado pelo Selo Sesc em 2007 e do documentário “Berço do Samba de São Mateus, fez uma turnê em Nova York – EUA a convite do World Music Institute (WMI), e em 2019 ano lançou o disco SAMBADOBRADO – MANU LAFER CONVIDA GRAÇA BRAGA. Em 2020 lançou o disco NO EMBALO DA VILA, com o cancioneiro de Martinho da Vila.

 

LEANDRO COSTA – aos 7 anos fazia parte da bateria do Bloco Gaviões da Fiel, e seus primeiros trabalhos foram como cantor de sambas enredo. Profissionalmente, fez parte do Grupo Dose Certa, e atualmente está gravando seu novo trabalho solo, e se dedica ao seu novo projeto “Beto, o Braço Forte do Samba!”

 

TITO AMORIM – nascido em 1981, na cidade de São Bernardo do Campo, sua carreira tem início em 99, com o grupo Poder da Criação. Entre 2005 e 2007 integrou as bandas de Jamelão e Mestre Monarco. E nesse período que integrou o grupo Sandália de Prata.

 

RAQUEL TOBIAS – cantora e compositora, ganhou destaque no cenário do samba de São Paulo junto às comunidades e terreiros da Zona Sul. Nascida no bairro de Santo Amaro, região Sul de São Paulo, Raquel foi ainda pequena para o bairro de Embu das Artes – também na Zona Sul – onde foi criada e radicada. O samba de roda e o Gospel são suas maiores influências. Levada por seu pai à Igreja Adventista, apendeu a cantar no coral, iniciou sua jornada profissional no Samba de Todos os Tempos (do qual ela faz parte até hoje). Faz parte da Ala de Compositores do Samba da Vela, e integra o Projeto Resgatando Raízes, que confere atenção às mulheres que têm alguma relação com as artes, produzindo e dando voz a elas. Raquel também é um nome requisitado nos carnavais de São Paulo e Minas Gerais, tendo defendido as Escolas S.R.B.E. Lavapés, G.R.C.S.A.E.S Extremo Sul, G.R.C.E.S.E.S Imperatriz da Sul e Escola de Samba Estrela do Terceiro Milênio, além dos famosos blocos de rua de São Paulo, como o Bloco Pagú, além dos Blocos Toco do Moji e Borda da Mata, ambos de Minas Gerais.

 

 

 

Utilizamos cookies essenciais, de acordo com a nossa Política de Privacidade, para personalizar e aprimorar sua experiência neste site. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.