Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Treinos caseiros, muita leitura e sessões de filmes fazem parte da Rotina de Atleta de Isaac Gonçalves

Ilustração: Dora Teixeira
Ilustração: Dora Teixeira

No alto dos seus 1,95m de altura, o atleta Isaac Gonçalves, do basquete, mantém uma rotina regrada para cuidar do condicionamento físico em tempos de isolamento social. Convidado do Sesc para participar da live Rotina de Atleta, o ex-jogador do Pinheiros aproveita o conforto do lar para intercalar a rotina de treinos com boas leituras e sessões de filmes e jogos.  

A receita para equilibrar a saúde do corpo e da mente está na pauta do bate-papo online do qual Isaac participa na próxima sexta, dia 17 de julho. Mediado pela educadora de atividades físico-esportivas do Sesc Pompeia Luciana Scarin, o papo compõe a programação do Rotina de Atleta, projeto quinzenal do Sesc Pompeia para o Instagram.

“Me vejo jogando muita bola ainda” 

No Brasil, o futuro do basquete ainda é incerto. Enquanto não há muitas definições, Isaac se mantém preparado para entrar em quadra, assim que tudo for estabilizado. Sua rotina de treinos inclui exercícios para fortalecimento muscular e, principalmente, para manter a agilidade com a bola.  

O atleta já passou pelas equipes de Limeira, Brasília, Franca, Bauru e Pinheiros, seu último clube, onde vivenciou momentos importantes para a carreira profissional. Entre as conquistas, Isaac foi eleito melhor jogador em 2011, e campeão sul-americano de Brasília, em 2013.  

O jogador conta que tem muito a contribuir para a modalidade. "Eu vim parar no basquete graças a um projeto que incentivava crianças e adolescentes a praticarem esportes. Eu tinha 10 anos quando comecei. Hoje, aos 30, me vejo jogando muita bola ainda", disse.  

O sonho de se tornar um jogador de basquete veio ainda quando criança. Foi na oficina mecânica de seu pai que os jornais que eram usados para enrolar os carros ganhavam um novo destino nas mãos de Isaac. Todas as páginas de jornal com fotografias ou que traziam notícias relacionadas ao mundo do basquete, eram recortadas e guardadas pelo atleta em uma pasta. No começo, as páginas continham fotografias de Michael Jordan; e ele continuou guardando os jornais até que a pasta começou a ser preenchida com fotografias dele próprio em quadra.  

Ser um atleta negro no Brasil
 

Além de todas as dificuldades em se firmar como jogador profissional no Brasil, ser um atleta negro aumenta significativamente a quantidade de batalhas que são enfrentadas ao longo da trajetória. Isso porque, ainda hoje, a estrutura social do país exclui e trata pessoas não brancas como subalternas e inferiores.  

Segundo o Observatório da Discriminação Racial, entidade dedicada a pesquisar e discutir a temática, em 2019 foram registrados 47 casos de injúria racial no esporte brasileiro. Esse número representa um crescimento de 6,8% em relação ao ano de 2018.  

"Já sofri racismo e diversos tipos de preconceito em quadra. Se há algo que possamos fazer para contribuir para uma sociedade mais justa e menos racista é dialogar e ensinar à base, que são as nossas crianças. Crianças não nascem racistas, não fazem diferença das pessoas por terem a pele mais escura", defende o jogador. 

Rotina de Atleta 

O novo projeto do Sesc Pompeia para o ambiente do Instagram consiste em uma série de bate-papos, ao vivo, em que um esportista consagrado em uma modalidade é convidado para conversar com um dos educadores de atividades físico-esportivas do Sesc. 

A primeira conversa teve como convidada a atleta de badminton Fabiana da Silva, com mediação da educadora Raquel Rocha. O bate-papo pode ser assistido aqui!  

O próximo encontro é com Isaac Gonçalves no dia 17 de julho, sexta, às 18h. A mediação da conversa é conduzida pela educadora Luciana Scarin. Além de interagir com os profissionais e conhecer a rotina de Isaac, o público vai ter a oportunidade de entrar em contato com as particularidades desse esporte tão emocionante e veloz.  

Além disso, Luciana e Isaac convidam o público a praticar exercícios inspirados pelas técnicas do basquete e, quem sabe, adotar esse esporte para sua vida. 

Anote na agenda: o Rotina de Atleta - Basquete acontece na sexta, dia 17 de julho, às 18h, no perfil do Sesc Pompeia no Instagram.

Próximos encontros  

Rotina de Atleta continua, a cada quinzena, com uma nova modalidade esportiva e um novo atleta convidado. No dia 31 de julho, será a vez do karatê. Os atletas convidados para cada um dos encontros serão confirmados em breve.  

Realizado pelo Sesc Pompeia, o projeto Rotina de Atleta é uma ação¿para o ambiente digital do Programa Sesc de Esportes, iniciativa¿do Sesc São Paulo que promove cursos esportivos de diversas modalidades individuais e coletivas, para iniciantes e praticantes de todas as idades, ministrados por educadores do Sesc.

Outras programações