Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Mestre Valdeck de Garanhuns apresenta seu Teatro de Mamulengo no Sesc Pompeia

Mestre Valdeck de Garanhuns e seu Teatro de Mamulengo
Mestre Valdeck de Garanhuns e seu Teatro de Mamulengo

Desde 1979, Mestre Valdeck de Garanhuns dedica sua vida a arte do Teatro de Mamulengo, prática considerada patrimônio imaterial da cultura nacional. “Eu nasci pra isso”, afirma o artista, que estará no Sesc Pompeia de 20/12 a 8/1/17 apresentando seis peças autorais de seu repertório.

O nome “mamulengo” tem origem desconhecida, mas acredita-se que foi derivado da expressão popular “mão-molenga”, em referência a habilidade manual dos mamulengueiros. Mestre Valdeck conta que já chegou a manipular mais de sessenta bonecos ao mesmo tempo: “Me desenvolvi muito mais como ator no teatro de bonecos do que no teatro humano. São muitas personagens, muitas vozes”.

A interlocução entre os bonecos, a história e o público é feita pela música, muitas vezes inspirada em ritmos tradicionais nordestinos, como o baião e o xaxado. O Mestre explica que o processo de composição é individual, porém há canções que duram apenas o tempo da criação, improvisadas durante a história em parceria com o público e o sanfoneiro, afinal a brincadeira acontece em conjunto “nenhum mestre faz espetáculo, ele se mistura, por isso falamos em brincar”.

As lendas, cantigas e danças dos mamulengos cativam crianças das mais pequeninas até os idosos, afinal para Valdeck “qualquer teatro de rua que não tem interação com o público é besteira”.

No Sesc Pompeia, os enredos irão abordar desde tradições nordestinas, até o consumo excessivo na época natalina, além de uma versão nacional da tradicional história do presépio. Divertidas e educativas, o Teatro de Mamulengo mantém viva uma das mais importantes formas de manifestação popular, e encanta a todos.

Confira a programação completa do especial O Teatro de Mamulengo do Mestre Valdeck de Garanhuns clicando aqui.

Outras programações