Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Ideias e Ações para um novo tempo

Entre os dias 1º e 4 de junho, o Sesc Vila Mariana será palco de debate e troca de ideias e experiências sobre temas socioambientais, com a realização do projeto Ideias e Ações para um Novo Tempo, com participação gratuita.

Criado em 2013, este projeto tem como objetivo identificar e compartilhar práticas socioambientais voltadas à proteção do ambiente e das pessoas, associadas ao desenvolvimento do território local. Com isso promove o diálogo entre o público e as iniciativas transformadoras da realidade numa perspectiva ética e sustentável.  

Para 2017, o projeto contemplará a realização de um seminário com a presença de intelectuais e ativistas para debater sobre os desafios socioambientais da atualidade e uma mostra de iniciativas socioambientais, que trazem em sua trajetória o envolvimento e a participação das comunidades por meio de ações de educação socioambiental.

#Seminário 

Nos dias 1º e 2 de junho acontecerá no Sesc Vila Mariana o seminário “Diálogos sobre os desafios socioambientais contemporâneos” para abordar o problemático contexto atual e apresentar caminhos teóricos e práticos atualmente em curso, num viés educativo e cultural. 

Para debater este cenário, o seminário contará com a presença de acadêmicos e representantes de organizações sociais que vêm atuando em diferentes frentes. Em pauta estarão temas como o panorama da conjuntura socioambiental e o papel dos agentes sociais no território; a natureza como bem comum; a dimensão econômica e as tecnologias sociais e a manutenção das comunidades; e a educação para a ação cidadã e formação de agentes sociais. 

O seminário está sendo desenvolvido em parceria com a Universidade de São Paulo, por meio da Divisão Científica do Instituto de Energia e Ambiente.

#Mostra 

Espaço de encontro para a troca de conhecimentos e saberes, a Mostra de iniciativas socioambientais foi organizada a partir de um mapeamento de experiências no território de atuação das Unidades do Sesc SP, no estado de São Paulo. Foram reunidas 36 iniciativas que trazem em sua trajetória aspectos como o envolvimento e a participação das comunidades em ações de educação para a sustentabilidade e, por isso, são consideradas relevantes para o debate socioambiental. 

Dentre as iniciativas, será possível conhecer o Instituto H&H Fauser, que atua na região de Paraibuna, com projetos na área da educação para sustentabilidade, com destaque para a capacitação de jovens na elaboração de projetos socioambientais que ampliam a compreensão sobre a realidade local. Outro exemplo é o coletivo Pupa Permacultura, da região de São José dos Campos que atua nas frentes de cultura popular com temas da permacultura. 

A programação conta com um espaço expositivo para a apresentação de projetos de agricultura urbana, agroecologia, tecnologias sociais ambientais, resíduos sólidos, entre outros. O público poderá participar de oficinas, rodas de conversa e atividades lúdicas. 

#Sustentabilidade no Sesc SP

Poder saber qual a origem dos alimentos que compõem a nossa mesa e quem são as pessoas responsáveis por sua produção ou distribuição; colaborar para a diminuição dos resíduos produzidos cotidianamente; estar atento às causas responsáveis pelos impactos que afetam o ambiente – sejam aqueles que acontecem em nosso bairro ou globalmente. Estes são alguns dos inúmeros elementos que, na prática, compõem o debate acerca da sustentabilidade no campo socioambiental. 

Por mais distantes que possam parecer, esses aspectos estão conectados à busca por relações mais equilibradas entre os seres humanos e o ambiente, ou à possibilidade de refletir sobre a natureza como bem comum – do qual depende a manutenção de todas as formas de vida no planeta. Inacessível somente à primeira vista, esta discussão está mais próxima do que possa parecer e inclui as escolhas que fazemos diariamente.  

Desta perspectiva, o Sesc toma para si o compromisso de difundir conhecimentos e práticas voltados ao fortalecimento da cultura da sustentabilidade. É possível reconhecê-lo em suas construções, especialmente nas Unidades que contam com certificação ambiental, como o Sesc Sorocaba; na conservação de áreas verdes (Sesc Bertioga, Interlagos e Itaquera); na gestão dos resíduos sólidos, por meio do programa Lixo: menos é mais, com enfoque na educação interna dos funcionários. Por fim, o Sesc convida o público a participar de sua programação permanente com ações de educação para sustentabilidade para todos os públicos, trabalhando  com as mais variadas abordagens, aproximando as pessoas do debate socioambiental - tão complexo na atualidade. 

Veja a programação de Junho do Ideias e Ações clicando aqui.

 

Outras programações