Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Fentepp trintão e reconhecido no meio teatral

'Aqui estamos com milhares de cães vindos do mar' é um dos espetáculos de Fentepp. Foto: Divulgação
'Aqui estamos com milhares de cães vindos do mar' é um dos espetáculos de Fentepp. Foto: Divulgação

Às vésperas de completar 30 anos, o Festival Nacional de Teatro de Presidente Prudente (Fentepp) chega à sua 22ª edição com reconhecimento no meio cultural. Isso porque em 2014 foi eleito o melhor festival de teatro do Brasil pelo Portal R7, por meio do jornalista e membro da Associação Paulista de Críticos de Artes (APCA) Miguel Arcanjo Prado.

Agora em agosto, entre os dias 20 e 29, Presidente Prudente, no interior paulista, será mais uma vez a sede de um grande festival, reunindo 28 produções de companhias vindas de todo país, em um total de 45 apresentações, entre espetáculos adultos, infantis e de rua que foram selecionados por uma equipe de curadoria. 

Transitando entre drama e comédia, dança e circo, formas animadas e performances, a programação contempla obras de valor artístico e estético, que possibilitam aos seus espectadores a experimentação da linguagem e a construção de um pensamento crítico.

O Fentepp é uma realização do Sesc SP, da Prefeitura Municipal de Presidente Prudente e do Governo do Estado de São Paulo, cuja proposta é ocupar a cidade de diferentes formas e em inúmeros espaços, oferecendo um amplo panorama das artes cênicas em âmbito nacional.

Um festival de teatro chegar aos 30 anos é motivo de comemoração, segundo o diretor regional do Sesc São Paulo, Danilo Santos de Miranda. "Por sua continuidade, o festival envolve a cidade e regiões adjacentes, exalta a integração local em torno do tema, estimula um compromisso de valorização da produção cultural e do intercâmbio entre companhias, artistas, produtores teatrais e os públicos”, destaca. “Por meio desta realização, o Sesc reafirma seu trabalho de difusão de manifestações culturais cujas ressonâncias são elementos basilares para uma educação integral permanente", complementa Miranda.

O secretário municipal de Cultura de Prudente, Fábio Nougueira, corrobora a importância do Fentepp para o município. "A realização de mais uma edição do festival demonstra a seriedade e a importância que o evento tem no calendário das ações da Secretaria de Cultura. O público irá celebrar uma programação que contempla diversos Estados Brasileiros e nos brinda com espetáculos de excelência artística primando pela diversidade de gêneros. A cidade será ocupada, tanto os seus espaços convencionais quanto os alternativos, os públicos de todas as idades terão a oportunidade de apreciar os espetáculos e também participar das diversas ações formativas", analisa. 
 

 

Programação articulada


Alguns autores terão mais de uma obra encenada no festival, casos de Nelson Baskerville (com a Cia. AntiKatártiKa, de São Paulo), Cássio Pires (em incursão autoral-colaborativa e com o grupo prudentino Os Bárbaros) e Michelle Ferreira (pelas também paulistanas Cia. Mil Folhas e Má Cia. Provoca), o que pontua a organicidade poética de suas respectivas dramaturgias. A eles soma-se a companhia potiguar Tropa Trupe, com duas montagens infanto-juvenis ancoradas em técnicas circenses.

Já o movimento teatral de Belo Horizonte (MG) é representado por cinco coletivos, com destaque para o tradicional Grupo Galpão, especialmente convidado para encerrar esta edição; e ainda pelas visões singulares de mundo expressadas pela Catibrum Teatro de Bonecos e dos grupos Espanca!, Invertido e Quatroloscinco.

Obras de nomes referenciais na dramaturgia e literatura internacional são ponto de partida para outras montagens. Os Barulhentos, de São Paulo, buscam inspiração no romeno Matéi Visiniec, enquanto os conterrâneos do coletivo 28 Patas Furiosas exploram o legado do alemão Georg Büchner; já o Teatro Máquina, de Fortaleza (CE), recorre a outro autor clássico oriundo de solo germânico: Bertolt Brecht.

A busca pelo sentido da existência no cotidiano de personagens de toda sorte – anônimos, famosos, reais e fictícios – aparece nas criações do Núcleo de Artes Cênicas (São Paulo-SP) e das companhias Bruta de Arte (São Paulo-SP), Caminho Velho (Guarulhos) e Portátil (Curitiba-PR).

Completam a programação engenhosos espetáculos de rua das companhias São Jorge de Variedades, Lúdicos de Teatro Popular e Os Profiçççionais, todas da capital paulista, e da Cia. Muovere, de Porto Alegre (RS). E produções infanto-juvenis de grupos de reconhecida trajetória no gênero: Le Plat Du Jour (São Paulo-SP), Dionisos Teatro (Joinville-SC) e Tato Criação Cênica (Curitiba-PR).

Para enriquecer

O Fentepp também oferece um clico de atividades formativas, com o objetivo de estimular a circulação de ideias, a integração dos grupos e a ampliação de repertório de profissionais interessados. Rodas de conversa, mesas-redondas e workshops gratuitos com atores, diretores e curadores vão envolver o público em debates sobre os espetáculos em cartaz, o atual cenário da dramaturgia contemporânea e a linha curatorial do Festival, entre outros temas.

A venda de ingressos para os espetáculos adultos começa às 12h30 do dia 12 de agosto (quarta-feira), na bilheteria do Sesc Thermas de Presidente Prudente. Já a programação infantil e de rua é gratuita.

A programação completa e demais informações podem ser obtidas no site oficial do festival  www.fentepp.com.br

 

o que: Fentepp
quando: 20 a 29 de agosto
onde: Vários espaços de Presidente Prudente
quanto: R$ 5 (credencial plena);  R$ 8,50 (meia); R$ 17 (inteira)
onde comprar:

Bilheterias do Sesc.

 

 

Outras programações