Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Oficinando no Co_Operar

Cinza, performance que integra a programação do Co_Operar <br> Foto: Miguel Salvatore
Cinza, performance que integra a programação do Co_Operar
Foto: Miguel Salvatore

"Use protetor auricular!"

Essa foi a primeira coisa que o compositor, músico e engenheiro de som Muep Etmo falou para quem estava numa das oficinas do Co_Operar, projeto que ocupa o Sesc Belenzinho em agosto e setembro, reunindo performances audiovisuais, um laboratório para pesquisas artísticas e oficinas para o público jovem. Outras pérolas foram voando da sua cachola acelerada, encontrando resposta nos sorrisos dos espectadores ávidos por entender uma coisa nova, ou por não entender nada mesmo - e este é um dos pontos principais da coisa toda.

A oficina em questão: Introdução ao Home Studio. Naquela primeira olhada conservadora, você pode pensar: "bom, ainda que seja introdução, é uma oficina para quem tem interesse e equipamentos para ter um estúdio em casa". Bem, é quase isso.

Reunir pessoas diferentes sob uma mesma intenção pode deixar as coisas um pouco opacas e simplezinhas. Mas, se você parar pra pensar, verá que, antes de ser uma oficina sobre home studio, trata-se de um encontro de pessoas, num espaço legal, e que essas pessoas podem aprender, ou não entender nada ao final de cada aula. Entretanto, estão ali, disponíveis para algo diferente, para pessoas diferentes.

Ninguém tinha muita coisa em comum - fosse no biotipo, fosse nas referências musicais e nas intenções que os levaram a encontrar Muep Etmo no 1º pavimento do Sesc Belenzinho. O próprio oficineiro, às turras com qualquer formalidade ou esquema de aula, ligava os pontos das dúvidas, combinando tudo num problema maior e em soluções simples como "não tem que pensar fora da caixa, tem que dar uma BICUDA na caixa!" ou "abraça o erro, cara!". Se liga no que o som do cara faz com os seus ouvidos:

Qualquer coisa saída dali era algo novo, inédito, único para quem estava na sala - para perceber isso não é preciso saber muito de áudio ou de computador. Para quem estava interessado na prática do home studio, dicas bacanas sobre compressores e equalizadores legais de se usar, como os da SSL; começar a sua gravação sempre com uma referência que agrade você no volume, no timbre e no EQ; gastar um tempo montando a sua master com um compressor, um equalizador e um limiter; um ataque muito rápido do compressor mata o seu agudo, não sendo muito legal para usar num chimbal, por exemplo; usar um noise gate e o seu side chain com um oscilador de frequência para engordar o bumbo ou para outras maluquices; botar um reverb nas sobras da sua gravação, criando algo novo advindo de um erro. Enfim, várias coisas bacanas - com dicas fora da sala também, como o canal de vídeos do SFLogicNinja, com dicas sobre o software Logic.
 



SFLogicNinja, que tem dicas bem explicadinhas

Pra quem estava ali pra registrar uma oficina, ou pra ver algo diferente: um pouco de conhecimento sobre desapegar das coisas que a gente faz e partir pra próxima, fazendo algo novo, estando disponível para aproveitar o seu tempo com coisas que você não conhece, se permitindo estar em constante movimento, aprendendo e sem ficar ansioso com o mundo.

O Muep estará novamente no Belenzinho na quinta, 21/8, às 20h30, junto com a Mirella Brandi, na performance Cinza, cuja foto ilustra esta matéria. Os dois explicam mais do trabalho no vídeo abaixo - você pode saber mais da performance e se programar aqui.



O Co_Operar vai até setembro no Belenzinho, e tem outras oficinas envolvendo luz, performance, vídeo, som e outros recursos multimídia. Além é, claro, das performances com Giuliano Obici e seu Laptop Coral, 20/8, às 20h30. o Duo B e Fernando Velázquez compondo com todo tipo de objetos, ali na sua cara, durante a performance Mecânima, 18/8, 20h30. Veja a programação completa, com oficinas, labs e performances aqui e acompanhe a cobertura no facebook.

 

Outras programações