Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Acessibilidade em Foco

Nos dias 29 e 30 de novembro acontecerá, no Sesc Santana, o Seminário Modos de Acessar: Deficiência e Cidadania. O encontro debaterá sobre a questão da acessibilidade na perspectiva da pessoa com deficiência e suas experiências nas cidades. Para se inscrever clique aqui.

O objetivo é ampliar o entendimento sobre acessibilidade e sua relevância no planejamento de ações culturais, mobilidade e educação, abordando desde a acessibilidade física aos aspectos subjetivos relacionados às barreiras relacionais e comportamentais na sociedade.

O encontro foi organizado a partir três eixos:

Cultura
Ênfase nas relações entre a cultura e os modos de acessar com respeito à subjetividade das experiências, por meio da apropriação de recursos/ferramentas de acessibilidade e pela mediação humana.

Mobilidade
Ênfase nas relações entre a cidade e os modos de acessar, destacando a autonomia e independência no deslocamento.

Educação
Ênfase nos processos comunitários e relacionais que viabilizam a inclusão pelo envolvimento de todos os seus atores.

Todos os painéis contarão com relatos de experiências em acessibilidade, incluindo pessoas com deficiência, e com recursos assistivos como audiodescrição e tradução em Libras.

Também entre os dias 2 e 9 de dezembro, o Sesc São Paulo promove a Semana Inclusiva em todas as unidades do Estado de São Paulo, visando potencializar em suas atividades práticas iniciativas em acessibilidade a todos os públicos.

Programação do Seminário Modos de Acessar: Cidadania e Deficiência

29 de Novembro

9h30 - Credenciamento

10h30 às 12h30h - Abertura
Prof. Danilo Santos de Miranda Sesc São Paulo
Prof. Dr. Ney Wendell Professor da Faculté des Arts de l'Université du Québec à l'UQAM (Canadá)
Jairo Marques Jornalista Folha de S. Paulo e Mestre de Cerimônias do Seminário Modos de Acessar

12h30 às 14h – Almoço

14h às 16h - Painel Mobilidade 
Modos de Acessar a cidade - Neste painel, traremos ao diálogo diversos modos de acessar, com respeito à independência dos indivíduos com deficiência em sua mobilidade urbana. Uma proposta de discussão sobre o impacto da acessibilidade arquitetônica para a autonomia da população com e sem deficiências e seu direito à cidade, como experiência plena e democrática.

Mesa:

Valmir de Souza Desenvolvedor do aplicativo Biomob
Cid Torquato Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência de São Paulo
Eliete Mariani Metrô de São Paulo
Mediação: Lília Ladislau Centro de Pesquisa e Formação - Sesc São Paulo

16h às 16h30 – Intervalo

16h30 às 18h30 - Painel Educação
Modos de acessar o outro – Neste fórum reúnem-se práticas e iniciativas relacionadas à pluralidade e à alteridade nos modos de acessar. Com foco no envolvimento de pessoas com deficiência na construção de conhecimento e experiências educativas e, ainda, apresentando um breve panorama sobre os públicos com deficiência no recente processo de inclusão escolar no Brasil.

Mesa:
Aline Santos Plataforma DIVERSA – Instituto Rodrigo Mendes
Prof. Dra. Rosângela Gavioli Prieto Faculdade de Educação - USP
Eliana Cunha Lima Fundação Dorina Nowill para Cegos

Mediação:
Diogo de Moraes Gerência de Estudos e Desenvolvimento – Sesc São Paulo

18h30 – Jam de Danceability
Um encontro de dança que utiliza o método DanceAbility e através da improvisação de movimento e a troca artística entre pessoas com diversas habilidades, idades e origens, com e sem deficiência. Com Núcleo Dança Aberta
Local: Área de Convivência

30 de Novembro

9h30 – Credenciamento

10h30 às 12h30h - Painel Cultura
Modos de acessar a cidadania cultural - Para este painel, estarão em diálogo as relações entre a cultura e os modos de acessar com respeito à subjetividade das experiências, ao acesso cultural a espaços e propostas estéticas, por meio de recursos de acessibilidade, pela mediação humana e pela comunicação acessível.

Mesa:

Amanda Tojal ArteInclusão
Daina Leyton MAM
Eduardo Cardoso UFRGS

Mediação:
Lucia Helena Reily UNICAMP

12h30 às 14h – Almoço

14h às 16h - Relatos de experiências

Mesa:

Cíntia Alves Cia Grão de Teatro
Séfora Tognolo Sesc Bertioga
Karen Montija Centro Cultural Banco do Brasil

Mediação:
Lígia Helena Ferreira Zamaro - Gerência de Educação para Sustentabilidade e Cidadania – Sesc São Paulo

16h às 16h30 - Intervalo

16h30 às 18h – Mesa performática
Da língua Maori (Nova Zelândia), Whaikaha significa ter força, habilidades e capacidades diferenciadas. Ela substitui a palavra deficiência naquele país para se referir a este grupo de pessoas. Um momento de imagens, intervenção e texturas sonoras para questionar inclusão e deficiência. Com inspiração nas leituras de Notas Sobre a Experiência e o Saber da Experiência, de Jorge Larrosa Bondía, A Nudez,  de Giorgio Agamben e Epistemologias do Sul, de Boaventura de Sousa Santos.
Em julho de 2017, estes artistas brasileiros se juntaram para participar do IFTR (International Forum for Theatre Researchers), na USP, e foram inspirados pela nova terminologia adotada na Nova Zelândia e se auto intitulam Artistas Whaikaha.

Mediação: Paula Lopez

18h - Encerramento e considerações finais
Lígia Helena Ferreira Zamaro - Gerência de Educação para Sustentabilidade e Cidadania – Sesc São Paulo

Programação complementar

18h30 – Cadeira: Falando Sem Tabu
Uma pessoa com múltiplas deficiências narra com muito humor e amor pela vida as vivências de um cadeirante em sua cidade. Com voz em off e imagens projetadas em tela, a cadeirante vive situações cotidianas com seu assistente no palco. Sua fala é áudio e sua memória é vídeo. Uma performance onde a diversidade é discutida de maneira aberta e bem humorada. Uma palestra que é uma performance, uma performance que é uma palestra. Com Estela Lapponi, Felipe Riquelme e João Otávio.
Local: Área de Convivência. 

11h às 19h - Jardim Sensorial
O jardim sensorial é composto por estações que a partir de elementos naturais estimulam o tato, audição e olfato, a instalação conta com apoio de mediadores que conduzem os participantes em uma experiência acessível a todos. Com Parque de Bambu.
Local: Deck de Entrada. 

Outras programações

Ações para a Cidadania

III Seminário Velhices LGBT: resistência, superação e um legado de esperança

III Seminário Velhices LGBT: resistência, superação e um legado de esperança

SESC Pompeia

Saiba mais

Ações para a Cidadania

III Seminário Velhices LGBT: resistência, superação e um legado de esperança

III Seminário Velhices LGBT: resistência, superação e um legado de esperança

SESC Pompeia

Saiba mais

Ações para a Cidadania

Sensibilização para Aproximação entre Surdos e Ouvintes

Sensibilização para Aproximação entre Surdos e Ouvintes

SESC Consolação

Saiba mais