Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

O protagonismo do idoso

Exceções à Gravidade - Sesc São Carlos
Exceções à Gravidade - Sesc São Carlos

O estatuto do idoso, de outubro de 2003, define ser obrigação da família, da comunidade, da sociedade e do poder público assegurar ao idoso, com absoluta prioridade, a efetivação do direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, à cultura, ao esporte, ao lazer, ao trabalho, à cidadania, à liberdade, à dignidade, ao respeito e a convivência familiar e comunitária.

É importante que o idoso tenha uma participação ativa tanto em sua família, como na comunidade e na sociedade em que vive, como personagens capazes de exercer autonomamente papéis no cenário social e nos enredos que aí se desenrolam.

Como uma forma de sensibilizar o público jovem e adulto sobre a velhice de hoje e a velhice de amanhã, as unidades do Sesc em Araraquara, Ribeirão Preto e São Carlos trouxeram o palhaço americano Avner Eisenberg.

Com 69 anos, Avner apresentou o show Exceções à Gravidade, enfatizando, por meio do bom humor, a capacidade do idoso em poder se reinventar, respeitando os limites do seu corpo sempre. O palhaço exibiu a importância do idoso como protagonista de sua própria vida.

Avner mostrou ao público a imagem de cada um refletida no palhaço, procurando trazer o ganha e perde do envelhecimento na ausência de equilíbrio, da memória e limites físicos, evidenciou a vitalidade de um corpo idoso.

Veja um trecho da apresentação em São Carlos:


Esta foi uma ação da Campanha de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, que neste ano, trata de diversas formas de ausência na vida dos idosos, que muitas vezes não são percebidas como violências. Para o idoso, além do apoio familiar, é fundamental poder contar com uma rede de apoio social. A ausência desta rede deixa o idoso mais vulnerável a não perceber e a não denunciar as violências que podem existir nas situações cotidianas.
 

Outras programações