Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Um olhar sobre a animação russa no CineSesc

Pela primeira vez, filmes de animação russos serão exibidos no CineSesc entre 12 e 18 de julho, com projeto e curadoria assinados por Luiz Gustavo Carvalho e Maria Vragova. O conjunto da Mostra de Animação Russa é composto de 37 desenhos animados realizados por 20 diretores entre as décadas de 1950 e 2010.

A mostra é composta por vinte sessões de curtas-metragens. Três delas prestam homenagem a diretores e apresentam suas obras: Alexander Petrov, Svetlana Filippova e Yuri Norstein. Svetlana Filippova, inclusive, apresentará a sessão do dia 13 e ministrará um curso de animação durante a semana. Entre os destaques da programação estão o vencedor do Oscar “O velho e o mar” de 1999, dirigido por Alexander Petrov. É de Petrov também o filme indicado ao Oscar “O meu amor” de 2006. Já Yuri Norstein, cujo estilo poético é bastante marcante, terá seu curta-metragem “O Conto dos Contos” de 1979 exibido no CineSesc, permitindo ao público conhecer a obra que foi considerada pela Academia Americana de Cinema o melhor desenho animado de todas as épocas e povos.

Desde a época imperial, a Rússia é muito conhecida por sua literatura. A Mostra de Animação Russa permitirá ao público conhecer um pouco mais dessa expressão através de filmes baseados na obra de escritores como Kornei Tchukóvski (“Tarakã, o Bigodudo” e “Mukha-Tsokotukha”, dois livros infantis do autor) e Aleksander Pushkin (“O conto do pescador e do peixinho). Com música do compositor russo Piotr Tchaikovsky, “O Quebra-Nozes” apresenta a literatura do escritor prussiano E. T. A. Hoffmann.

Se o cinema russo faz parte do cânone cinematográfico desde a época de Seguei Eisenstein e seu clássico “O encouraçado Potemkin”, a ex-União Soviética foi – e continua sendo – a casa de importantes produções de animação. O contemporâneo também está contemplado na mostra, com uma presença de cerca de 20% dos curtas-metragens, com filmes como “Lavatory-Lovestory”, de Konstantin Bronzit, que foi indicado ao Oscar em 2009. O público – de crianças a adultos – é convidado a conhecer através do cinema de animação produzido por diferentes diretores um pouco dessa tradição.

>> Confira aqui a programação completa da mostra.

Outras programações