Sesc SP

Matérias do mês

Postado em

Frestas – Trienal de Artes anuncia a curadoria da 3ª edição

Obras de On Kawara na segunda edição do Frestas, em 2017, no Sesc Sorocaba | Foto: Adriano Sobral
Obras de On Kawara na segunda edição do Frestas, em 2017, no Sesc Sorocaba | Foto: Adriano Sobral

Frestas é uma iniciativa trienal – projeto, programa e exposição – que compõe a ampla agenda cultural realizada pelo Sesc São Paulo. É, sobretudo, uma plataforma transdisciplinar que promove novas atuações e reflexões num campo mais amplo das artes visuais, trazendo também a atenção do público e do circuito de maneira mais descentralizada. Frestas trata de passagem, de racha, de ruptura, ou seja, é uma abertura para um novo lugar democrático de atuação.

A realização do projeto ocorre na unidade do Sesc localizada em Sorocaba, no interior do estado de São Paulo. Entre agosto e dezembro de 2020, acontece a sua terceira edição, apresentando uma mostra plural de arte e uma programação inédita ao Sesc Sorocaba e outros contextos da cidade.

Desde sua primeira edição, a exposição já apresentou mais de 170 artistas das mais diversas gerações e origens, em diferentes contextos curatoriais e recortes programáticos. Seu leque abrangente de participantes permite constituir um intercâmbio entre artistas locais, regionais e internacionais e promover instâncias dialógicas com diversos profissionais da área, como curadores, pesquisadores, professores, agentes e demais profissionais da cultura, e os mais diversos públicos.

A terceira edição (2020) conta com um trio de jovens curadores brasileiros que, nos últimos anos, tem se dedicado a explorar as práticas curatoriais de forma ampla, em plataformas discursivas de caráter experimental e democrático. A escolha envolveu discussões com diversos profissionais na cidade de Sorocaba. A equipe selecionada demonstrou muita interlocução, escuta e pesquisa iniciada em temáticas e preocupações já abordadas nas programações do Sesc em seus diversos programas, dentro das variadas linguagens artísticas e valores sociais. Portanto, a edição inaugura o convite do Sesc a uma comissão curatorial formada por:

 


Beatriz Lemos | Foto: Júlia Franco Braga

 

Beatriz Lemos (Rio de Janeiro, RJ), curadora e pesquisadora, mestre em História Social da Cultura pela PUC-RJ. É idealizadora da plataforma de pesquisa Lastro – Intercâmbios Livres em Arte e atua na promoção, ensino e curadoria de processos de criação anticoloniais, antirracistas e feministas no Brasil e América Latina. É curadora da Bolsa Pampulha 2018/2019 (Belo Horizonte, MG) e coordena o Grupo de Estudos Lastro na Casa 1 (São Paulo, SP). Em 2017, integrou a comissão curatorial do 20º Festival de Arte Contemporânea Sesc_Videobrasil e coordenou a residência artística Travessias Ocultas – Lastro Bolívia.

 


Diane Lima | Foto: Rebeca Carapiá

 

Diane Lima (Mundo Novo, BA), curadora e pesquisadora, mestra em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP. Realiza práticas curatoriais multidisciplinares em perspectiva decolonial. Neste ano, foi cocuradora da Residência PlusAfrot, na Villa Waldberta, e da exposição coletiva Lost Body – displacement as choreography, ambas em Munique, Alemanha. Em 2018, foi curadora do Valongo Festival Internacional da Imagem e integrante do Grupo de Críticos de Arte do Centro Cultural São Paulo.

 


Thiago de Paula Souza | Foto: Acervo Pessoal

 

Thiago de Paula Souza (São Paulo, SP), curador e educador com formação em Ciências Sociais. Participa do programa Propositions for Non-Fascist-Living, organizado pela BAK (base voor actuele kunst), em Utrecht, Países Baixos. Com a curadora Gabi Ngcobo, criou a plataforma I've seen your face before, parte do projeto Ecos do Atlântico Sul, do Goethe-Institut, em São Paulo. Em 2018, foi membro da equipe curatorial da 10ª Bienal de Berlim, intitulada We don't need another hero.

 

A terceira edição de Frestas – Trienal de Artes acontece entre agosto e dezembro de 2020 no Sesc Sorocaba.

Outras programações